Missão VV / Expedição Médica VV Dharma – Sertão do Piauí

Com Karina Oliani, realizando atendimentos médicos e atividades pedagógicas no Sertão do Brasil

VAGAS ENCERRADAS

Nessa Expedição Médica VV – Dharma você viverá a experiência de ser voluntário em uma das regiões mais inóspitas do Brasil e, junto ver como é possível ajudar diretamente no sertão pobre do país.

 

Nossa ação será na cidade de Acauã no Piauí, por anos foi a segunda mais pobre do Brasil segundo o IBGE, com cerca de 900 moradores na zona urbana e com forte traço de cultura quilombola, fato evidenciado e comprovado pelos 6.000 moradores espalhados entre 20 povoados e quilombos. Nos últimos dois anos a organização internacional Iris Global com sede em Moçambique aportou na cidade, referência em trabalhos de desenvolvimento humano e social na África e Ásia, a ONG de origem afro-americano desembarcou no Piauí e escolheu Acauã.

 

Em 2015 o Iris Piauí em parceria com outra organização brasileira, a MAIS especializada em projetos de desenvolvimento comunitário e micro-crédito em países como Haïti, Uganda e Burundi iniciaram juntas o seu primeiro Negócio Social na pequena cidade do semiárido sertanejo, sete meses depois nasceu a Boutique de Sonhos e que hoje empodera  financeiramente diretamente 17 pessoas em situação de vulnerabilidade social, em um  programa de economia criativa que através de uma simples mini-fábrica de brinquedos de madeira feito a mão, tem ajudado a interferir no IDH da cidade, em torno de R$ 2.000 per capita ao ano, fazendo uso da mais pura expressão cultural do Nordeste para ilustrar os brinquedos pisco-pedagógicos, o cordel.

 

Nessa parceria durante 8 dias nós faremos atendimentos nas comunidades mais remotas e carentes do sertão. Levaremos atendimento de 5 especialistas e a medicina mais avançada para os locais de maior necessidade.

Além disso nessa viagem vamos iniciar um programa de capacitação local para professores de ensino médio das escolas da região. Infelizmente os professores não têm uma formação pedagógica e nessa viagem vamos deixar esse legado, esse desenvolvimento para que através de cursos de atividades lúdico-pedagógicas as crianças possam ter um melhor aprendizado.

Através da Expedição VV – Dharma você poderá atuar e ser um voluntário participativo na nossa Missão que começa no dia 27 de outubro de 2017, recebendo um certificado após a sua conclusão.

 

A Equipe

 

Wellington Fonseca é o coordenador da Boutique de Sonhos. Todos estarão presentes recepcionando e orientando as atividades.

 

Karina Oliani dedicou sua vida a medicina e aventuras. Ela se formou em SP em 2007 e seguiu para os Estados Unidos para concluir um Fellowship de 3 anos em Wilderness Medicine. Depois disso conclui sua pós graduação em Medicina de Urgências e Emergência pelo Albert Einstein em São Paulo. Karina voltou sua carreira médica para Medicina de Áreas Remotas e esportes de aventura, foi a fundadora da ABMAR, a Associação Brasileira de Medicina de Áreas Remotas e Esportes de Aventura e se tornou a primeira médica da América Latina em ter o título de Wilderness Medicine. Ao longo desses 9 anos de carreira, ela participou de diversos projetos médicos voluntários pelo mundo como Ruanda, Uganda, Etiópia, Nepal, Índia, sertão do Brasil, Amazônia, entre outros.

 

Mariana Serra é formada em relações internacionais, é a idealizadora e co-fundadora da VV, e palestrante. Ao longo de todos os anos de atuação profissional em campo com ajuda humanitária, trabalhou e trabalha anualmente como voluntária em países como Quênia, Tanzânia, Índia, Tailândia, Costa Rica, EUA, Brasil e em campo de refugiados na Jordânia e Líbano. Mariana entrou para a renomada lista da FORBES como os 30 brasileiros mais promissores até 30 anos. Ela dará a capacitação para os voluntários, será a representante da VV para orientação e acompanhamento durante toda viagem, além da organização para as atividades de desenvolvimento e cursos pedagógicos nos locais.

 

Marlise Carvalho é fisioterapeuta, pós-graduada em fisioterapia neurofuncional pela Irmandade da Santa Casa de São Paulo. Atualmente trabalha como fisioterapeuta e supervisora/professora da pediatria enfermarias/UTI na pós-graduação da Santa Casa de São Paulo. Já trabalhou no Hospital Paulistano, sendo a fisioterapeuta responsável do grupo de pacientes com AVC por quase 3 anos; viajou em expedição científica – PECA – realizado na cidade de Palmital e Limeira – SP fazendo atendimento voluntário à população da cidade e realizando visitas domiciliares. Também trabalhou como voluntária para o Volunteer Vacations na parte rural do Nordeste brasileiro, em Pernambuco e em Jardim Gramacho, no Rio de Janeiro. Viajou ao Haiti com uma equipe de emergência pós furacão onde foram realizados atendimentos médicos a população, pintura e construção de hortas em orfanatos.Participou da Expedição Médica Piauí em 2016 onde uma equipe de médicos levou assistência aos moradores dos quilombos do sertão brasileiro. Viajou à Zanskar, área remota da Índia, para atendimento no Dalai Lama Hospital.

 

Andrei Polessi é diretor de arte e fotógrafo. Formado em comunicação social, com curso de fotografia pelo Departamento de Multimeios da Unicamp e especializações em desenho gráfico pela UC Berkeley Extension e Academy of Art University, nos EUA. Trabalha há mais de 20 anos com projetos editoriais. Trabalhou como voluntário em projetos com moradores de rua por 2 anos na cidade de São Paulo, e em localidades carentes no nordeste, Nepal e Índia. Usa a fotografia como registro antropológico de suas experiências de viagens mundo afora. Espera com isso sensibilizar as pessoas para questões humanitárias importantes e, quem sabe, dar voz à comunidades necessitadas que quase nunca são ouvidas. É co-fundador do Instituto Dharma, entidade sem fins lucrativos que realiza projetos humanitários pelo mundo

 

Alexandre Naime é titulado em medicina com residência médica, mestrado e doutorado em infectologia pela faculdade de medicina de Botucatu – unesp.
Tem experiência de quinze anos na área de medicina, com ênfase em infectologia e pesquisa clínica, atuando principalmente nos seguintes temas: aids, hepatites b e c, coinfecção hiv/hepatites virais, medicina de áreas remotas e de aventura, metodologia da pesquisa clínica

e ensino em infectologia.  Ele coordena os atendimentos ambulatoriais de pessoas vivendo com hiv/aids e suas coinfecções, além de hepatite b e c, htlv e acidentes com animais peçonhentos.  Coordena também os atendimentos de urgência e emergência de infectologia geral (tuberculose, micoses sistêmicas, dengue, zika, febre amarela entre outras).

 

Henrique Mourão é Diretor de Fotografia e Cinegrafista de documentários e expedições. Apaixonado por aventuras e fotografia, se adapta a qualquer ambiente para registar pessoas, lugares e idéias que poderiam passar despercebidos, para poder compartilhá-los com o mundo.

 

Programação Sexta – Domingo:  27 de outubro a  05 de novembro 2017

 

  • Todos devem chegar até as 17h30 do dia 27/10 em Petrolina, PE. A missão ocorrerá no sertão do Piauí, no entanto o aeroporto de chegada é o de Petrolina, em Pernambuco, onde seguiremos viagem por cerca de 2 horas até Acauã no Piauí.

 

 

 

Dia 27/10

Chegada em Petrolina até 17h30 e partida para Serra do Inácio

 

Dia 28/10

Serra do Inácio

-Manhã: reunião da equipe e montagem do atendimento

– Tarde: atendimento

 

Dia 29/10

Serra do Inácio

– Manhã e tarde: atendimentos e atividades pedagógicas com professores e crianças locais

 

Dia 30/10

Serra do Inácio

– Manhã e tarde: atendimentos e atividades pedagógicas com professores e crianças locais

 

Dia 31/10

Serra do Inácio

– Manhã e tarde: atendimentos a comunidade ao redor da Serra e atividades pedagógicas com professores e crianças locais

 

Dia 01/11

Serra do Inácio

– Manhã: atendimentos e atividades pedagógicas com professores e crianças locais

– Tarde: partida para hotel em Paulistana

 

Dia 02/11

Batemaré

– Manhã e tarde: atendimentos e atividades pedagógicas com professores e crianças locais

 

Dia  03/11

Batemaré

– Manhã e tarde: atendimentos e atividades pedagógicas com professores e crianças locais

 

Dia 04/11

Tanque de Cima

– Manhã e tarde: atendimentos e atividades pedagógicas com professores e crianças locais

 

Dia 05/11

Partida as 07h da manhã do hotel de Paulistana

 

  • A cada dia os voluntários serão separados em grupos conforme orientação.

 

 

A Atuação Médica

 

Teremos casos de baixa complexidade, encaminharemos e daremos seguimento aos casos crônicos de maior complexidade. Através de um diagnóstico vamos identificar as doenças que necessitam de TFD (tratamento fora de domicílio) e vamos encaminhar para o grande centro onde sabemos que essa pessoa conseguirá tratamento e acompanhamento para melhorar seu prognóstico.

Outros pacientes receberão orientações para prevenir patologias agudas e básicas como:

Anemia

Verminoses

Candídiase e Leucorreias

Doenças inflamatórias pélvicas

Diabetes Mellitus

Hipertensão arterial sistêmica

Ainda faremos a remoção cirúrgica de:

Pequenos cistos e tumores superficiais

Cicatrizes hipertróficas
Verrugas plantares
Polidactilia

Drenagem de abscessos

Teremos também a entrega de mais de 500 óculos para crianças e adultos que tenham miopia, hipermetropia ou astigmatismo.

 

Atuação Pedagógica

 

Teremos uma sala só para atuação de recreação e pedagógica, além de todo o espaço público ao ar livre.

 

Uma das maiores necessidades e que de fato permitem que possamos deixar um legado efetivo, é a falta de treinamento e novas atividades educativas, recreativas e lúdicas para as crianças e jovens sertanejos. A melhor forma de passar e realizar essas ações é, capacitando professores locais, ensinando e passando essas atividades, realizando ao mesmo tempo com as crianças e estudantes das comunidades quilombolas que iremos atender.

 

Faremos toda uma capacitação com nossos voluntários para explicar todas as atividades que desenvolveremos, portanto, precisamos de TODOS  os tipos de perfis para essa ação.

 

Basta ter disposição e muito amor para dar.

 

 

 

Valores e formas de pagamento

 

Já voluntário VV:

188,19 reais por dia

R$ 1.881,95 à vista via boleto bancário
R$ 2.327,50 em 12 vezes sem juros via PagSeguro

 

Novos voluntários:

198,10 reais por dia

R$ 1.981,00 à vista via boleto bancário.
R$ 2.450,00 em 12 vezes sem juros via PagSeguro

 

O que está incluído

 

  • A passagem aérea não está incluída, deverá ser reservada e paga pelo voluntário a parte. TODOS DEVEM CHEGAR ATÉ 17h30 DO DIA 27 DE NOVEMBRO EM PETROLINA

– Todo material a ser utilizado durante as atividades

– Translado Petrolina – Acauã – Petrolina

– Transporte em todos os dias para as atividades

– Transporte Acauã – Batemaré –  Acauã

– Transporte Acauã – Serra do Inácio – Acauã

– Transporte Acauã – Tanque de Cima – Acauã

 

– Acompanhamento da equipe: Mariana Serra, Karina Oliani, Andrei Polessi, Marlise Carvalho, Alexandre Naime, Henrique Mourão e Wellington Oliveira.

– Hospedagem para todos os dias em quarto compartilhado com ar condicionado e banheiro individual por quarto no hotel em Acauã e hospedagem na Serra do Inácio em casa local

– Alimentação (Café da manhã, almoço e jantar)

– Camisa da VV(cada camisa recebida pelo voluntário uma é doada para algum projeto social apoiado pela HEVP)

– Auxílio da Equipe da VV

– Capacitação online via vídeo conferencia antes do embarque

– Certificado de voluntariado

– Folheto VV com todas as instruções e informações sobre o local e projeto

 

– Aula sobre história, cultura local e quilombolas

– Taxas administrativas

 

DEPOIMENTOS VOLUNTÁRIOS VV

 “O que mais gostei foi o fato de não só observar mas, de certa forma, vivenciar uma realidade tão diferente da minha, o que faz você abrir mais ainda a cabeça e dar mais valor a tudo que se tem na vida. É uma experiência incrível, a qual sempre me lembrarei e sentirei orgulho de ter feito parte” Mariana Oliveira, voluntária na Missão de julho de 2015.

 

Por que pagar?

A taxa paga corresponde ao nosso serviço de curadoria das ONGs parceiras, de consultoria, os preparativos que realizamos referentes a sua experiência, nossa mediação junto às organizações, o suporte local, impostos, material, contato direto com nossa equipe,a taxa de emissão do certificado e uma doação que é definida de forma independente pelas próprias ONGs. Esta taxa ajuda a manter estas ONGs e seu trabalho de extrema importância e valor.

Nosso objetivo é continuar a enviar voluntários para experiências humanitárias em todo o mundo! E cada vez mais! São milhões e milhões de pessoas que vivem em situação de necessidades diversas espalhadas pelos cinco continentes, ficamos felizes que você seja parte daqueles que querem estender a mão e fazer uma diferença. Que esta seja a primeira de muitas experiências voluntárias suas com a VV!

Informações: Expedição Médica VV Dharma – Sertão do Piauí

Período: 27 de outubro a 05 de novembro

Custos: Já voluntário VV:

188,19 reais por dia

R$ 1.881,95 à vista via boleto bancário
R$ 2.327,50 em 12 vezes sem juros via PagSeguro

Novos voluntários:

198,10 reais por dia

R$ 1.981,00 à vista via boleto bancário.
R$ 2.450,00 em 12 vezes sem juros via PagSeguro

Missão VV / Expedição Médica VV Dharma – Sertão do Piauí

Formulário de inscrição


Campos obrigatórios *

Responda as perguntas abaixo: